Adega Pegões Colheita Seleccionada 2005

A Adega Cooperativa de Pegões é um dos poucos casos de sucesso dentro do coorporativismo em Portugal. São poucas as Adegas que, apesar de os vinhos terem vindo a melhorar, conseguem passar uma imagem positiva, moderna.
Numa região em que a casta Castelão reina, a aposta em castas estrangeiras e em portuguesas com perfil mais moderno, foi determinante para o sucesso dos vinho desta adega, que está sob enologia de Jaime Quendera, um dos mais conhecidos impulsionadores locais.
O Colheita Seleccionada tinto é um vinho que tem ganho prémios em concursos internacionais, e é um dos exemplos de modernidade dos vinhos da região. A colheita de 2005, aqui em prova, é feita com as castas Touriga Nacional, Trincadeira e Cabernet Sauvignon. Estagia 12 meses em meias pipas de carvalho francês e americano.
Cor vermelha escura. O aroma tem bela intensidade, onde aparecem notas florais acompanhadas de mato rasteiro primaveril. A fruta faz lembrar ameixas. Tem um lado mais balsâmico, com toques de eucalipto e resinas. Boca de bom corpo e muito boa acidez. Uma boa mistura de flores , frutos e algum balsâmico. Final longo e saboroso.
Temos aqui um vinho muito bem feito, num perfil moderno e cheio de vontade de agradar. Consegue ter uma boa complexidade e é um boa compra para esta gama de preços, até 6 euros.
16.
publicado por allaboutwine às 11:09 | link do post