Sábado, 11.10.08

Azamor 2004

Castas: Syrah, Merlot, Touriga Nacional e Alicante Bouschet.
Estágio: carvalho francês e americano.
Enologia: David Baverstock.
Preço: 6€.
Vol: 13,5%.

Côr escura, concentrada.
Aroma de média intensidade, com notas de fruta fresca e lembrar amoras e cerejas. Também temos azeitonas pretas e chocolate em pó.
Boca encorpada e muto fresca, taninos redondos. Continua com a fruta encontrada no nariz, com o cacau em pó e ligeira azeitona.
Bom final, com toques gulosos.
Temos aqui o vinho de entrada de gama do recente produtor de Vila Viçosa. Os vinhos são feitos pelo enólogo da Herdade do Esporão, que só por si, e por abraçar um outro projecto, já é uma mais valia. É um vinho calmo, com a fruta nada doce e com a acidez muito bem integrada. Tem alguma complexidade e é muito equilibrado. A minha estreia nos vinhos do produtor e posso dizer que foi bem agradável. 16.
publicado por allaboutwine às 13:23 | link do post | comentar

Herdade da Figueirinha Pinot Noir 2006

Castas: Pinot Noir.
Estágio: 6 meses em barricas.
Enologia: António Saramago.
Preço: 7€.
Vol: 14%.

Côr pouco concentrada, transparente.
Boa intensidade aromática, com notas de frutos vermelhos a lembrar ginjas e cerejas. Temos também chocolate em pó e ligeiro toque de azeitonas. Bafo de menta.
Boca de médio porte, taninos redondos e com uma bela acidez. Permanecem as notas frutadas, o chocolate e ligeira menta.
Final longo e delicado.
Temos aqui um vinho bem curioso, feito em terra quente, com é o Alentejo. Muito ligeiro na côr, como é apanágio desta casta e com aromas delicados. Um vinho a conhecer, nem que seja pela experiência. 16.
publicado por allaboutwine às 13:05 | link do post | comentar
Quinta-feira, 09.10.08

Pó de Poeira 2007

Castas: Tradicionais do Douro.
Estágio: Não diz.
Enologia: Luis Moreira.
Preço: 14€.
Vol: 13,5%.

Côr amarelo citrino. Aroma com boa intensidade. Notas de fruta citrina com muito limão e lima, alguma maça verde. Notas minerais.
Boca com bom volume, muito fresca. Continua com a fruta encontrada no nariz, agora com a maça mais marcante mas também com muitos apontamentos citrinos.
Final longo e muito fresco.
Mais um belo vinho branco duriense, cheio de intensidade e frescura. Este é estreia do produtor do Poeira, um conhecido vinho português, nos brancos. E no meu ponto de vista, uma bela estreia. 16,5.
publicado por allaboutwine às 04:29 | link do post | comentar

Aurius 2002

Castas: Touriga Nacional, Syrah, Tinta Roriz e Petit Verdot.
Estágio: 16 a 18 meses em barricas novas de carvalho francês.
Enologia: Graça Gonçalves e José Bento dos Santos.
Preço: 30€.
Vol: 14,5%.

Côr muito escura.
Aroma intenso, com muitas notas balsâmicas a lembrar cera, graxa. A fruta está lá, com amoras, groselhas e cerejas. Temos também chocolate e ligeiro toque químico a lembrar farmácia.
Boca encorpada, com boa acidez e taninos redondos e doces. Tem sabores frutados, envolvido em notas mais balsâmicas. Temos ainda chocolate e caramelo.
Final longo e saboroso.
Ora, aqui está um belo vinho, aliás vindo de quem vem só pode ser este o resultado. Nota-se que a madeira onde estagiou é excelente, dando grande complexidade ao vinho, que no meu ponto de vista não o marca em demasia. Também é o vinho do produtor onde entra a nossa Touriga Nacional e onde existe um maior blend, com quatro castas, não muito usual na sua gama. Os vinhos de José Bento dos Santos são sempre vinhos que dá gosto cheirar, não apetecendo tirar o nariz dentro do copo. Isto quer dizer alguma coisa, não? 17,5.
publicado por allaboutwine às 03:52 | link do post | comentar
Segunda-feira, 06.10.08

Plansel Selecta 2007

Castas: Arinto, Viosinho e Verdelho.
Estágio: Inox.
Enologia: Dorina Lindmann e Paulo Laureano.
Preço: 2,60€.
Vol: 13,5%.

Côr amarela citrino esverdeado.
Aroma com boa intensidade, onde a fruta citrina está bem explícita com lima e limão. Fundo mineral.
Boca de corpa mediano e muito fresca. Continua a fruta em conjunto com a mineralidade.
Bom final, com boa frescura.
Um vinho que nos chega de Montemor, de um produtor de quem não de fala muito mas que tem belos vinhos. Tem uma conjugação de castas curiosa, com uma casta duriense, que não se vê muito no Alentejo, o Viosinho, e com duas castas muito frescas, o Arinto e o Verdelho. Apresenta um bom conjunto, onde alia a fruta com boa mineralidade. Consegue dar uma boa prova e tem um excelente preço o que dá uma boa compra. 15.
publicado por allaboutwine às 12:10 | link do post | comentar

Quinta da Dôna 2003

Castas: Baga.
Estágio: 14 meses em barricas novas de carvalho francês.
Enologia: Francisco Antunes.
Preço: 17€.
Vol: 14,5%.

Côr escura, concentrada.
Aroma intenso, com notas de frutos silvestres como amoras e também cerejas. Temos também notas de charutos e um toque mais seco de casca de árvore. Chocolate preto.
Boca encorpada, boa acidez e com ligeira secura. Continua com a fruta, juntamente com notas de galhos secos e chocolate.
Final longo e complexo.
Estamos perante um vinho que foi prémio de excelência na Revista de Vinhos, portanto um vinho muito cotado entre nós. Não o provei na altura, provo-o agora com mais algum tempo de garrafa, que julgo que não lhe fez mal nenhum. É um vinho calmo, com a Baga bem domada, com a fruta muito bem casada com a madeira. Tem estrutura e acidez para durar mais algum tempo em garrafa, assim o queiramos, porque ele está pronto a beber. Está bom e complexo. 17.
publicado por allaboutwine às 11:45 | link do post | comentar | ver comentários (2)

Herdade do Meio Virtuus 2004

Castas: 70% Pinot Noir e 30% Alicante Bouschet.
Estágio: 12 meses em barricas de carvalho francês e americano.
Enologia: António Saramago.
Preço: 12€
Vol: 14,5%.

Côr escura.
Aroma com boa intensidade, com fruta preta como ameixas e cerejas, alguma em compota. Tem um toque químico e ligeiro mineral.
Boca encorpada, redonda e com boa acidez. Confirma a fruta. alguma compotada. Tem uma lado mais mineral, mais terroso.
Bom final, guloso.
Mais uma marca deste produtor, que tem apresentado várias novidades anualmente. Já tem quase uma dezena de marcas, o que cria uma certa confusão. Este Virtuus é um vinho que segue a linha dos tintos da casa. Tem um perfil frutado, compotado, mas sem ser pesado e enjoativo. Tem até uma certa elegância. Eu gostei. 16.
publicado por allaboutwine às 11:19 | link do post | comentar | ver comentários (1)
Quarta-feira, 01.10.08

Companhia das Lezírias 2007

Castas: Trincadeira e Aragonês.
Estágio: Inox.
Enologia: Frederico Falcão.
Preço: 2,50€
Vol: 12,5%.

Côr vermelho vivo.
Aroma de média intensidade, onde se notam muitos frutos vermelhos como groselhas e doce de morango. Toque lácteo.
Boca com bom volume e boa acidez. A fruta continua, mas agora mais em forma de doce, alguma em passa.
Bom final, guloso.
É um rosé agradável, com a fruta em grande plano, na sua forma mais doce. Tem um perfil que agrada a muito consumidor, já que é um vinho que se bebe muito bem, mas tem de ser bem refrescado para não enjoar. 15.
publicado por allaboutwine às 12:47 | link do post | comentar

Monte da Ravasqueira Vinha das Romãs 2006

Castas: Syrah, Touriga Nacional, Touriga Franca e Alicante Bouschet.
Estágio: 9 meses em barricas de carvalho francês.
Enologia: Rui Reguinga e Vera Moreira.
Preço: 17€.
Vol: 14,5%.

Côr muito escura.
Aroma muito concentrado, com muita fruta como ameixas , cerejas, amoras e alguma compotada. A par da fruta temos flores, algumas já secas. temos ainda café e um pouco de chocolate.
Boca gorda sem ser pesada, acidez média/alta, taninos maduros e doces. Muita fruta misturada com flores e toques de chocolate e café.
Final longo e muito saboroso.
Temos aqui o topo de gama deste produtor de Arraiolos, produtor recente mas com belos vinhos e já com algum nome no meio enófilo. É um vinho muito guloso, onde impera a fruta madura e concentrada. É poderoso mas não pesadão, tendo alguma vida em garrafa pela frente, faltado-lhe alguma acidez. Eu gostei. 17.
publicado por allaboutwine às 11:54 | link do post | comentar | ver comentários (2)

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

Outubro 2008

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
20
22
23
24
26
27
28
29
30
31

posts recentes

últ. comentários

  • Olá Miguel,Sou leitor atento do teu blog e não res...
  • Aqui parece que não concordamos. Eu acho este 2007...
  • José Diogo,É realmente um belo porto com um grande...
  • Olá André.Sê vem vindo a esta humilde casa. Fiquei...
  • Também o achei bem austero na abertura. Ao princíp...
  • Oi Miguel, muito de acordo com o teu descritivo, u...
  • interessante.
  • Nesta prova já não concordo assim tanto, pessoalme...
  • Completamente de acordo com esta nota de prova!Ali...
  • Bom dia, estamos a lançar um projecto de blogue de...

Posts mais comentados

arquivos

tags

todas as tags

links

subscrever feeds