Sábado, 18.10.08

Monte da Peceguina 2006

Castas: Alicante Bouschet, Aragonês, Touriga Nacional, Cabernet Sauvignon e Tinta Caiada.
Estágio: parcial de 7 meses em barricas de carvalho francês.
Enologia: Luis Duarte.
Preço: 8€.
Vol: 14%.

Côr escura, jovem.
Aroma de média intensidade, com notas frutadas a lembrar ameixas, amoras, alguns morangos. Temos também flores, baunilha e ligeiro tostado.
Boca encorpada, acidez bem integrada e taninos redondos. Apresenta fruta saborosa e nada enjoativa, envolvida em baunilha e ligeiro floral.
Final longo e muito guloso.
Temos aqui o vinho de entrada de gama do produtor de Albernôa, sul Alentejo. Tenho seguido os vinhos da Malhadinha e posso dizer que sou fã deles. Para mim é um produtor de referência. Este Peceguina 2007 vem na linha dos outros anos. É um vinho muito equilibrado, com uma boa relação entre as várias partes. A fruta é fresca, as flores dão frescura e complexidade, tudo muito bem envolvido pela madeira do estágio. Vinho jovem, vigoroso, pronto a beber. Muito bem. 16.

publicado por allaboutwine às 12:08 | link do post | comentar

Cabriz Espumante 2006

Castas: Malvasia Fina e Bical.
Estágio: 12 meses em cave.
Enologia: Carlos Lucas.
Preço: 5€.
Vol: 12%.

Côr amarelo citrino com laivos esverdeados. Bolha abundante e fina.
Aroma de média intensidade, com notas frutadas como maça bravo esmolfe, uma faceta mais citrina com limão. Tudo sobre fundo mineral.
Boca de corpo mediano, excelente acidez, bolha viva. Tem uma matriz mais citrina que o nariz, bem acompanhada pelas notas de maça e ligeiro vegetal.
Final médio/longo com muita frescura.
Bom espumante do Dão, aliás, como tem sido desde a sua nascença, em 2004. Tem uma excelente acidez, o que lhe permite acompanhar pratos com alguma gordura, mas também é muito bom para aperitivo. Nota mais para o preço, que convida a bebe-lo várias vezes. 16.
publicado por allaboutwine às 11:25 | link do post | comentar

Bolonhês 2005

Castas: Aragonês, Alicante Bouschet e Trincadeira.
Estágio: 6 meses em barricas de carvalho francês.
Enologia: Luis Ramos de Carvalho.
Preço: 9€.
Vol: 14%.

Côr escura.
Aroma com boa intensidade mas inicialmente um pouco fechado. Nota-se a fruta fresca como ameixas, cerejas e figos. Tem flores com um ligeiro travo vegetal. Fundo achocolatado.
Boca com bom corpo, excelente acidez, taninos um pouco verdes. Continua com a fruta e um pouco de flores, com nuances vegetais.
Final longo e fresco.
O vinho encontra-se ainda um pouco fechado, ainda em construção. Apresenta argumentos para uma boa evolução. Acidez, corpo e com os taninos ainda um pouco espigados. Devemos esperar por ele, pois penso que valerá a pena. 16,5.
publicado por allaboutwine às 02:30 | link do post | comentar

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

Outubro 2008

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
20
22
23
24
26
27
28
29
30
31

posts recentes

últ. comentários

  • Olá Miguel,Sou leitor atento do teu blog e não res...
  • Aqui parece que não concordamos. Eu acho este 2007...
  • José Diogo,É realmente um belo porto com um grande...
  • Olá André.Sê vem vindo a esta humilde casa. Fiquei...
  • Também o achei bem austero na abertura. Ao princíp...
  • Oi Miguel, muito de acordo com o teu descritivo, u...
  • interessante.
  • Nesta prova já não concordo assim tanto, pessoalme...
  • Completamente de acordo com esta nota de prova!Ali...
  • Bom dia, estamos a lançar um projecto de blogue de...

Posts mais comentados

arquivos

tags

todas as tags

links

subscrever feeds