Azul Portugal (Terras do Sado) rosé 2008

Feito pela Cooperativa Sto. Isidro de Pegões e com a enologia de Jaime Quendera. A casta usada para este rosé foi o Castelão e ela foi vinificada em cubas de inox a baixas temperaturas e onde teve posteriormente um pequeno estágio.

Tem uma cor salmão escuro, brilhante.
Aroma com média intensidade, que nos lembra fruta vermelha com um toque adocicado, como morangos, groselhas e cerejas. Leve vegetal.
Boca com corpo mediano e boa acidez. Reflete o aroma, com sabores frutados e com um leve vegetal de fundo. Final mediano e com uma boa frescura.

Vindo de uma casa que já nos habituou a vinhos muito bem feitos, com preços imbatíveis, este rosé segue o mesmo caminho. Um vinho com um perfil ligeiramente adocicado mas bem compensado por uma boa acidez, este vinho mostra-se apto para variadas situações, tanto à mesa, como "vinho de esplanada". Mais um bom produto deste produtor. 15.
publicado por allaboutwine às 03:06 | link do post