Guarda Rios tinto 2007

Voltamos a Vila Chã de Ourique e a Vale D'Algares, aqui com um tinto colheita, o entrada de gama, Guarda Rios. Um projecto vanguardista que está a começar a colher os seus frutos, com vinhos de qualidade, numa região que não é fácil e que, apesar de todo o potência que tem, ainda é vista como menor, o que é pena.
Mas voltemos ao vinho. A colheita em prova é a de 2007, um vinho feito com as castas Syrah, Touriga Nacional, Alicante Bouschet, Merlot e Cabernet Sauvignon, que tiveram selecção criteriosa por 2 vezes. Fermentou em cubas de inox e balseiros de carvalho francês e estagiou 9 meses em barricas maioritariamente francesas. Como podemos ver, tratamento de luxo.
Tem uma cor violácea.
Aroma intenso, com muitas notas frutadas e lembrar cerejas e ameixas. A fruta tem a companhia de flores, baunilha e ligeira tosta. Toque aborrachado.
Boca de bom corpo e com uma boa acidez. Começa abaunilhada, logo passando para fruta madura e ligeiro floral de fundo. Bom final, guloso, com baunilha a toque achocolatado.
Temos aqui um vinho muito bem feito, com um perfil apelativo, difícil de não gostar. Quando falamos que deveriamos ter vinhos para o mercado internacional, como os que vêm do "Novo Mundo", aqui está um deles. Eu gostei. 16.
publicado por allaboutwine às 11:46 | link do post