Esporão Reserva branco 2008

Continuando em terras alentejanas, entramos no domínio da Herdade do Esporão. Em período de remodelação de imagem, esta marca emblemática de portugal continua a brindar-nos com os melhores vinhos feitos em Portugal, feitos em quantidades consideráveis, a muito pretendida relação entre a qualidade e a quantidade. Os seus Reserva são perfeitos exemplos disso. Os seus vinhos são fonte segura de qualidade em que podemos confiar.
Os solos são vulcânicos e xistosos, temperados por uma brisa marítima húmida vinda do Atlântico.
Com as uvas Antão Vaz, Arinto e Roupeiro e após estágio em barricas de carvalho francês e americano durante 6 meses, é engarrafado. Desta vez com um rótulo belíssimo da autoria do artista plástico José Pedro Croft, que simboliza as cores deste vinho. Os tostados, a fruta citrina, a baunilha. Uma obra de arte.
A cor é amarela palha. Aroma intenso, com notas e fruta citrina a lembrar limão, tangerina, toranja. Fundo tostado e abaunilhado. Boca encorpada e com uma bela acidez. Continua com a fruta citrina em companhia de sabores abaunilhados e tostados. Final longo e com boa complexidade.
Mais um belo Reserva branco desta casa, aliás, como é apanágio. Um bom equilíbrio entre a fruta, acidez e a madeira onde estagiou, tornando-se até um tanto guloso.
Um vinho que continua sólido na sua qualidade e que será sempre uma escolha mais que segura quando queremos qualidade. Gostei francamente. 17.
publicado por allaboutwine às 13:21 | link do post | comentar