Assis Lobo Moscatel 2003

É um dos grandes generosos do mundo. Alguns exemplares são mesmo vinhos únicos, raridades, vinhos extraordinários que nos fazem sonhar, que nos fazem meditar. Quem já provou Moscateis velhos da JMF sabe do que falo.
É muitas vezes deixado de lado como vinho de fim de refeição, sendo quase sempre bebido como aperitivo e da gama mais acessível. Um bom Moscatel é um belo vinho para acompanhar doçaria, ou mesmo sozinho num fim de uma refeição.
A Casa Agrícola Assis Lobo é um dos protagonistas da região. Situada no coração da Península de Setúbal e seguindo uma tradição familiar, a Casa Agrícola Assis Lobo, localizada em Palmela, produz vinhos a partir das suas vinhas localizadas nas zonas mais nobres da região, nomeadamente no Lau, Fonte da Barreira e Fernando Pó.
Cor ambar de concentração média/alta. Aroma intenso, com muitas notas meladas, futa em passa, flores e algum caramelo. Boca gorda, doce, com boa acidez. Temos sabores a caramelo e mel, com fundo de flores e frutas em passa. Final longo e com alguma complexidade.
Temos aqui um Moscatel de boa qualidade. A meu ver, peca um pouco por ser algo pesado, onde falta a frescura para amparar tamanha doçura e corpo. Bebe-se muito bem, mas temos de ter atenção à temperatura, que não pode ser excessiva sob pena de o vinho se tornar enjoativo. 15,5.
publicado por allaboutwine às 12:38 | link do post