Offley Boa Vista Vintage 2003

Os Vinhos do Porto, em especial os Vintage, são para mim vinhos de difícil prova. Quando são novos, são vinho muito opacos, muito estruturados, com os aromas fechados e geralmente muito gulosos. Os aromas andam lá, mas andam escondidos, difíceis de descortinar. Mas eu adoro estes vinhos. São únicos!
O vinho em prova é da Sogrape. Além da Offley, é detentora outras marcas no mercado, como por exemplo a Sandeman. Provém essencialmente da Quinta da Boavista, que contribui de forma decisiva para o blend final do Vintage Offley. Além desta Quinta, o grupo detém entre outras, a Quinta da Lêda, famosa pelos vinhos de mesa, Quinta do Vau, Quinta da Granja., etc..
As castas predominantes do vinho é a Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Amarela, Rufete e Malvazia Preta. Fermentam em cubas de inox e estagiam nos balseiros, em Vila Nova de Gaia.
Depois de 2/3 anos é engarrafo e cai no copo com uma cor escura, opaca. Aroma com alguma potência, com toques quimicos a lembrar cartão, verniz. A fruta apresenta-se negra, com amoras e ameixas. Temos ainda chocolate preto amargo, flores e fundo mineral. Boca encorpada, bela acidez e taninos gordos e doces. Sabores com mistura de fruta negra, flores, chocolate preto. Persistente, acaba longo e complexo.
É um belo vinho, cheio de juventude, cheio de força. Tem estrutura e acidez para aguentar ainda vários anos em cave. 17.
tags: ,
publicado por allaboutwine às 01:29 | link do post | comentar