Comenda Grande tinto 2007

Vamos dar um salto a Arraiolos, ao Monte da Comenda Grande. Um projecto recente, onde no meio de 750 hectares do Monte onde impera a cultura de sequeiro e sobreiros , foram plantados 30 de vinha. No fundo foi voltar a uma cultura antiga do Monte e para aproveitar o espaço nele existente.
Os primeiros vinhos entraram logo nas escolhas dos portugueses, numa aposta na boa relação entre o preço e a qualidade, com os valores dos DOC branco e tinto a rondar os 5 euros. Pouco depois sairia o primeiro Reserva da casa, um vinho mais sério, com um preço de 15 euros, que a meu ver continua a ser uma bela compra, como veremos lá mais para a frente.
Em prova temos O Comenda Grande 2007, o tinto colheita da casa. Um vinho feito com Trincadeira, Aragonês e Alicante Bouschet e estagiou em barricas novas de carvalho.
Tem uma cor carregada.
Aroma intenso, com notas tostadas, abrindo depois para fruta madura a lembrar ameixas a framboesas. Toque floral e fundo abaunilhado.
Boca encorpada e com boa acidez. É frutada, em conjunto de sabores mais florais e abaunilhados. Final longo e guloso.
Temos aqui um vinho muito agradável, com qualidade evidente. Bastante jovem, um pouco marcado pela madeira, mas bastante apelativo. Com mais um ano de garrafa, ficaremos com uma belo vinho. 16.
publicado por allaboutwine às 05:08 | link do post | comentar