Quinta da Casa Amarela Porto Branco

Os vinhos do Porto brancos não são vinhos que beba com muita frequência, posso mesmo dizer que é raro bebe-los sem ser no verão, com água tónica e limão. Temos a versão mais seca, jovem, e a versão mais estagiada, com mais anos de vida, que em muitos casos, são grandes vinhos e um tanto desconhecidos pelo consumidor.
Laura Regueiro arriscou e lançou no mercado um branco com uma óptima imagem, jovem e apelativa. Trata-se de um Porto Branco com algum estágio, com uma cor amarela dourada e um aroma muito frutado, com notas de melão, meloa, casca de laranja, limão e doce de abóbora. Toque de frutos secos e de mel. A boca apresenta bom volume e uma bela acidez. Mantém a fruta com uma boa dose de frutos secos. Final mediano.
É um Porto que é multifacetado. Alia alguma secura com a boa dose de doçura e boa acidez. Por isso, bebe-se muito bem como aperitivo, a solo, ou a acompanhar os tradicionais frutos secos desta época festiva. Uma boa aposta na entrada dos Portos brancos sérios e ainda por cima não temos de gastar muito com ele, cerca de 10€. 16.
publicado por allaboutwine às 05:26 | link do post | comentar