Quinta-feira, 25.12.08

Quinta da Casa Amarela Porto Branco

Os vinhos do Porto brancos não são vinhos que beba com muita frequência, posso mesmo dizer que é raro bebe-los sem ser no verão, com água tónica e limão. Temos a versão mais seca, jovem, e a versão mais estagiada, com mais anos de vida, que em muitos casos, são grandes vinhos e um tanto desconhecidos pelo consumidor.
Laura Regueiro arriscou e lançou no mercado um branco com uma óptima imagem, jovem e apelativa. Trata-se de um Porto Branco com algum estágio, com uma cor amarela dourada e um aroma muito frutado, com notas de melão, meloa, casca de laranja, limão e doce de abóbora. Toque de frutos secos e de mel. A boca apresenta bom volume e uma bela acidez. Mantém a fruta com uma boa dose de frutos secos. Final mediano.
É um Porto que é multifacetado. Alia alguma secura com a boa dose de doçura e boa acidez. Por isso, bebe-se muito bem como aperitivo, a solo, ou a acompanhar os tradicionais frutos secos desta época festiva. Uma boa aposta na entrada dos Portos brancos sérios e ainda por cima não temos de gastar muito com ele, cerca de 10€. 16.
publicado por allaboutwine às 05:26 | link do post | comentar

Cono Sur Pinot Noir Reserva 2006

É o segundo vinho que provo deste produtor chileno, depois de um Chardonnay com estágio em madeira e que gostei bastante. São vinhos do chamado novo mundo, vinhos com uma excelente imagem, que chama a atenção (a mim chamou-me), e com qualidade. O produtor faz uma aposta séria no Pinot Noir, tanto que o topo de gama, de nome Ocio, é feito exclusivamente com ela. Tem uma gama de vinhos a que chama Reserva e é nela que entra o vinho em prova. Estagia 4 meses em barricas e tem um preço de mercado cá em Portugal de 8€.
A sua cor é um vermelho com alguma concentração. Aroma de média intensidade, com notas de fruta vermelha a lembrar morangos maduros, amoras. Confeitaria (parece quando entramos numa pastelaria) e café com leite. Boca de médio porte, fresca e com os taninos redondos. Estão lá os sabores a fruta vermelha e a confeitaria. Final frutado e fresco.
É um vinho muito bem feito, elegante, com boa acidez. Não acompanha pratos muito intensos ou com muita gordura, antes carnes brancas e pratos delicados. É uma casta que não conheço quase nada. Esta prova também serviu para ver este tipo de perfil de vinhos, que são fáceis de agradar á maioria dos consumidores. 16.
publicado por allaboutwine às 04:51 | link do post | comentar

Perfil 2007

É o projecto pessoal de Luis Soares Duarte, um dos enólogos de referência do Douro e um dos meus preferidos. Das suas mãos saem grandes vinhos como o Gouvyas, Kolheita, Quinta do Infantado, entre outros. Tem uma parceria com outro grande nome do Douro, Luis Roseira, produtor da Quinta do Infantado. Este seu projecto pessoal, tem como referência principal e topo de gama o Momentos, um dos grandes da região. Um jovem enólogo que nos dá grandes alegrias.
Este Perfil existe em branco, tinto e rosé. O vinho aqui em prova é a sua versão mais clara, do ano de 2007. É composto com castas tradicionais do Douro, como Rabigato, Codega de Larinho e Malvasia Fina e tem unicamente estágio em inox. Sai da garrafa com uma cor amarela esverdeada. Aroma de média intensidade. Notas muito frutadas a lembrar ananás, maça ácida, ameixas. Á fruta juntam-se flores brancas e amarelas. Fundo mineral delicado. A bocaé de corpo mediano e com uma bela acidez. Muita fruta citrina como limão e lima e flores. Fundo mineral a lembrar um riacho a correr sobre pedras. Final longo e fresco.
Temos aqui um vinho muito bem feito, muito fresco e delicado que dá prazer beber. Também tem um preço mais que justo, 5,50€, o que convida á sua compra. Eu gostei. 15,5.
publicado por allaboutwine às 04:18 | link do post | comentar

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

Dezembro 2008

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
15
16
18
19
20
22
23
24
26
27
29
30
31

posts recentes

últ. comentários

  • Olá Miguel,Sou leitor atento do teu blog e não res...
  • Aqui parece que não concordamos. Eu acho este 2007...
  • José Diogo,É realmente um belo porto com um grande...
  • Olá André.Sê vem vindo a esta humilde casa. Fiquei...
  • Também o achei bem austero na abertura. Ao princíp...
  • Oi Miguel, muito de acordo com o teu descritivo, u...
  • interessante.
  • Nesta prova já não concordo assim tanto, pessoalme...
  • Completamente de acordo com esta nota de prova!Ali...
  • Bom dia, estamos a lançar um projecto de blogue de...

Posts mais comentados

arquivos

tags

todas as tags

links

subscrever feeds