Pape 2005

Cor escuríssima, quase impenetrável . Belo aroma com muitas flores, algumas delas secas, estilo pot-pourri, fruta vermelhas fresca tipo morangos e framboesas, madeira discreta, algum caramelo. Boca com bom corpo, elegante, excelente acidez. Os taninos transmitem alguma secura. Muitas flores e fruta vermelha. O final é muito longo. Já é normal os Pape agradarem-me e muito. Este não foge à regra, é um grande vinho, cheio de complexidade e com uma grande vida pela frente. Custou-me 30€. 18.

publicado por allaboutwine às 01:46 | link do post | comentar