Azul Portugal (Tejo) branco 2008

Vinho feito pela Companhia das Lezírias, com a enologia de Frederico Falcão. Tem na sua composição as castas Fernão Pires e Arinto. Teve todo o tratamento (fermentação e estágio) em cubas de inox.

Tem uma cor citrina intensa.
Aroma de fraca intensidade, com notas que nos fazem lembrar flores brancas e fruta madura, onde encontramos uns citrinos a lembrar limão. Algum vegetal de fundo.
Boca com bom volume e boa acidez. Confirma o que encontrámos no nariz. Temos as flores, a fruta madura e o toque vegetal. Final mediano.

Temos aqui um vinho que, apesar de ser encorpado, tem um perfil leve. Apesar de pouco intenso é um vinho muito limpo, muito clean. São duas castas que não são muito aromáticas e este vinho mostra exactamente isso. Será boa companhia no nosso dia a dia ou para as petiscadas de Verão.14.
publicado por allaboutwine às 06:10 | link do post | comentar