Vintages 2007



Os Vintage 2007 estão a chegar e em boa hora, porque parece ser uma colheita fora de série. Foi um ano propício a grandes vinhos e os Vintage não fogem à regra. As maturações foram lentas, o que em Setembro fez temer o pior. Se as chuvas aparecessem, estragaria tudo, dado que as uvas ainda não estavam prontas. Mas Setembro foi um parceiro importante para os produtores. Praticamente não choveu, com os dias solarengos e as noites estiveram amenas, as uvas amadureceram bem a em perfeito estado sanitártio.
Os vinhos vão sendo provados pelos críticos e as opiniões vão sendo unânimes. É realmente uma colheita única.
Richard Mayson. na sua prova anual dos Vintage, proferiu várias vezes as palavras pureza, elegância, frescura da fruta, nas suas notas de prova. Na sua opinião não será um blockbuster com foi o 2003, vinhos cheios, robustos e sobre-maduros, antes vinhos elegantes, com taninos incisivos, mas a mostrar desde já a sua elegância. São vinhos que poderão ser bebidos cedo, já, mas que durarão muito anos na nossa garrafeira. Avaliou muitos vinhos com nota alta, com destaques especais para o Graham, o Dow's, Vesúvio Capela e o Vergellas Vinha Velha, ao contrário da Reviste Vinhos que, na sua prova, elegeu Fonseca e o Quinta do Vesúvio como os melhores em prova. Unânime foi a opinião da grande qualidade dos vinhos, com notas muito altas.
Como curiosidade, a Quinta do Vesúvio declarou dois vinhos de Quinta do Vesúvio e o Quinta do Vesúvio Capela. mais um exemplo da abundante qualidade da colheita.
Eles estão aí, mais explendorosos que nunca e a um preço barato. Se podermos compra-los já vamos ter grandes alegrias no futuro, numa altura em que já não os poderemos comprar.
publicado por allaboutwine às 03:49 | link do post | comentar